CDS questiona tutela sobre polo de saúde de Chave, Arouca
Quarta, 11 Dezembro 2019 12:06    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

polo de saude de chave-aroucaOs deputados do CDS-PP João Pinho de Almeida e Ana Rita Bessa questionaram a Ministra da Saúde sobre o encerramento do polo de saúde de Chave, em Arouca.

Na pergunta, os deputados do CDS-PP querem saber se a ministra confirma este encerramento, se confirma que a médica ali destacada se encontra de baixa médica e que o seu regresso está previsto apenas para abril de 2020, porque motivo não foi acautelada a sua substituição temporária, por forma a manter este polo de saúde aberto e proporcionar aos utentes o acesso aos cuidados de proximidade de que necessitam, se a ministra não entende que se está a condicionar acesso aos Cuidados de Saúde Primários desta população, maioritariamente envelhecida e numa região com uma rede de transportes públicos com horários insuficientes e, finalmente, quando será o polo de saúde reaberto no seu pleno horário de funcionamento.

Numa notícia publicada recentemente, o Jornal de Notícias dá conta de que õ polo de saúde de Chave, freguesia de Arouca, está sem médico desde o início do verão, depois de a médica ali destacada ter ficado de baixa, estando o seu regresso previsto para abril de 2020.

Os utentes têm agora que se deslocar cerca de 10 quilómetros, até à Unidade de Saúde Familiar de Escariz, sendo que a rede de transportes públicos que serve a freguesia tem horários que podem ser insuficientes e, por esse motivo, muitos daqueles utentes não têm como se deslocar, recorrendo a táxi ou outro tipo de transporte privado.

De acordo com a notícia os autarcas têm mantido contacto com o ACES Feira/Vouga e com a Administração Regional de Saúde do Norte, mas não têm qualquer solução para esta questão, nomeadamente a substituição da médica com baixa.

Este tipo de gestão de uma unidade de saúde do interior, já de si carenciado a vários níveis, impossibilita que a população, maioritariamente envelhecida, tenha acesso aos cuidados de proximidade de que necessita.

O Grupo Parlamentar do CDS-PP entende que os Cuidados de Saúde Primários são “a porta de entrada” para o Serviço Nacional de Saúde e que, nesse sentido, deve ser fomentado o seu acesso e não condicionado.

Neste sentido, o CDS-PP entende pertinente obter um esclarecimento por parte da Senhora Ministra da Saúde.

 

Deputados CDS

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga