Cecília Meireles questiona Governo sobre combate à vespa velutina
Terça, 17 Dezembro 2019 11:47    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

vespas asiaticas portugal 4Numa pergunta enviada à Ministra da Agricultura, a deputada do CDS Cecília Meireles quer saber em que ponto está o combate à vespa velutina, em Portugal.

A deputada do CDS questiona se o Ministério da Agricultura tem números relativos à presença da vespa velutina em território nacional, se sim, quais, e se não, como é feito o controlo da evolução da espécie em território nacional, e se tem números relativos ao número de ninhos já destruídos em território nacional.

Face ao aumento da presença da espécie em Portugal, Cecília Meireles quer saber que medidas já foram e estão a ser tomadas para eliminar o maior número possível de colónias de vespa velutina, e quantos municípios recorreram ao fundo disponibilizado no âmbito da “Campanha Nacional de Combate à Vespa Velutina”, com que resultados.

Questiona depois se há registo de perdas de produção de mel como consequência da vespa velutina e que mecanismos de ajuda tem o Governo implementados para ajudar os apicultores, cuja produção ou colónias, foram afetadas pelo ataque da vespa velutina.

E, finalmente, Cecília Meireles quer saber se está concluído o reequacionamento do Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa Velutina em Portugal, conforme anunciado pelo Governo anterior, e se, dada a gravidade da situação, equaciona o Governo a elaboração e implementação de um Plano Nacional de Emergência para Controlo e Combate à Vespa Velutina.

O Grupo Parlamentar do CDS-PP tem vindo a acompanhar com preocupação a evolução da situação da vespa velutina (vespa asiática) no nosso país tendo para o efeito enviado ao Governo anterior várias perguntas sobre o tema.

Entre outros, ao longo dos últimos quatro anos, questionámos sobre a avaliação e revisão do “Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa Velutina em Portugal”, sobre as medidas que estariam a ser tomadas, sobre mecanismos de ajuda aos apicultores afetados e sobre a formação de Bombeiros na área de combate à vespa.

Já este ano o Grupo Parlamentar do CDS-PP questionou o então Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural sobre a “Campanha Nacional de Combate à Vespa Velutina”, cujo financiamento para a destruição dos ninhos por parte dos municípios, durante o ano 2019, seria de 1M€, com recurso ao Fundo Florestal Permanente (FFP), conforme determinado no Despacho n.º 1147/2019, de 1 de fevereiro.

O ex-Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural chegou a reconhecer publicamente a expansão da vespa velutina, apesar de todo o esforço que tem vindo a ser feito para identificar e destruir os ninhos. «A sua capacidade de reprodução, pela ausência de predadores, tem sido de facto impressionante», afirmou, revelando que o Governo anterior estava a “reequacionar” o programa de combate à vespa velutina com base numa comissão de acompanhamento.

A verdade é que continuam a surgir notícias de novos focos de concentração de vespa velutina, sendo as últimas, de há poucos dias, relativas ao Alentejo.

A vespa velutina é um importante predador de abelhas e outros insetos e os seus ninhos têm sido cada vez mais frequentes, quer em espaços rurais quer em espaços urbanos, tendo-se já registado várias mortes humanas provocadas pela sua picada.

A importância da destruição destes ninhos é indiscutível, não apenas por uma questão de saúde pública como, essencialmente, pelos prejuízos consideráveis na apicultura nacional e porque as abelhas são ainda responsáveis e indispensáveis à polinização, também na agricultura e na floresta.

A vespa velutina tem efeitos “sobre a sustentabilidade dos ecossistemas, também já ameaçados por outros fatores de natureza biótica (doenças, pragas) e mesmo abiótica (alterações climáticas)”, e a sua destruição está muito mais relacionada com questões agrícolas e ambientais do que com qualquer outra.

 

Deputados CDS

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga